Sanduíche de sorvete!

Andando nesses sites bonitinhos aí pela internet, olha só que sobremesa linda e simples (combinação perfeita!) encontramos: cookies recheados com sorvete – os Sanduíches de Sorvete.

Que coisa mais outono! Na verdade, isso já é moda nos Estados Unidos, só por aqui que o lanche ainda está meio escondido. Pra quem quiser testar, dá pra ver uma receita aqui.

Vocês podem até testar com os cookies que ensinamos a fazer 😀

Anúncios

Receita #3 – Cookies especiais de confetes

E aí, povo! Curiosos pra ver o que aconteceu com os nossos cookies?

Então, dessa vez o negócio ficou sério, a gente quase zoou tudo, mas no fim deu certo… Ou quase isso! Enfim, como já falamos no vídeo, a receita foi sugestão da Mariana, que só com 15 anos já é expert em fazer quitutes deliciosos (eu sei, já provei!). Essa é pra casar, hein?

Mas fica a dica: quem tiver uma receitinha especial e quiser enviar pra gente, pode ficar à vontade! Já temos outra receita sugerida na fila, logo ela aparece por aqui também.

Receita

3/4 xíc. de açúcar
3/4 xíc. açúcar mascavo
3 xíc. farinha de trigo
2 ovos
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
3/4 colher de chá de sal
1 colher de chá de essência de baunilha (ou extrato de baunilha)
1 xíc. manteiga
2 xíc. de confetes

Olha aí, nem ficou tão torrado, seus faladores:

P.S. Só quero dizer que aquela luva de tirar bolo do forno é super linda, mas eu realmente queimei a minha mão com ela. O problema é que ganhei de brinde numa loja. Muito cuidado ao lidar com brindes, ok?

Deliciosamente real

Num dia chuvoso a pedida sempre é um bom filme, cobertor e algo delicioso para comer. Normalmente, algo super bem feito e vindo da confeitaria predileta. Pois, essas panquecas super apetitosas aí podem fazer com que a gente queira muito muito a receita delas pra satisfazer o nosso estômago no dia de chuva. Infelizmente o wecancookit não poderá fazer isso. A razão é surpreendente simples: as panquequinhas doces ali não passam de uma pintura. SIM, PINTURA! A obra é da artista Mary Ellen Johnson. Ela é conhecida por seus trabalhos precisos e realistas. Em seu site, ela define seu trabalho da seguinte forma:

Meu trabalho suscita impulsos psicológicos e viscerais. Ele evoca a nostalgia e um desejo para a gratificação. A comida comunica uma linguagem visual que ultrapassa as barreiras de diferentes culturas, pois a comida é uma experiência universal.

Well, verdadeiro ou não, essas pinturas aí dão uma vontade de comer, não dão não? Fiquem aí com mais alguns exemplos dessa “arte culinária”

Biscoito de bigode!

Por algum motivo misterioso, ultimamente as pessoas estão adorando os bigodes. É estampa de bigode na camisa, é colarzinho de bigode, é xícara de bigode… Só é difícil ver algum guri que assuma um respeitável bigode na cara. Mas enfim, vocês devem estar se perguntando que divagação doida é essa, que não tem nada a ver com comida. Aqui está a conexão: a “moda” dos bigodes já chegou à cozinha!

Alguém entrou no clima e criou estas formas de cortar biscoito super moderninhas. E o mais legal é que elas não só cortam a massa, mas também têm um carimbo em relevo pra fazer os fios, aí fica com mais cara de bigode ainda! A gente acha esses cortadores diferentes o máximo, porque o biscoito fica tão bonitinho que é até um pecado as pessoas reclamarem se ele sair meio ruinzinho. Viu? Tem que se ligar nas manhas!

P.S. Não esqueçam de votar na receita que você quer ver aqui, no post sobre Nutella!

Uma paixão chamada Nutella

Um simples potinho cheio de chocolate e avelã que virou loucura mundial. Quem aqui nunca teve vontade de gastar os dinheirinhos do salário em um pote de Nutella? O produto do Grupo Ferrero, criado na década de 60, é alvo da  “idolatria culinarística” em termos de gulodices. Basta entrar em sites como http://9gag.com e dá de perceber o quão cultuado o chocolate é. Nas mais incríveis sugestões de receitas, existe até ovo de páscoa recheado com Nutella. Além de bolos e biscoitos que só de ver a imagem dá de notar a overdose da pasta de avelã. Aparentemente, quanto mais Nutella, melhor!

Pois, nem eu e nem a minha querida amiga Nêly que compõe esse poético blog, alguma vez experimentamos a tal “iguaria”. Talvez, talvez, façamos o sacrífico  para o @wecancookit. Enquanto a receita de Nutella não chega, ficam aí algumas ideias mirabolantes para usar o chocolate. As receitas foram achadas no blog Nossa Cozinha Dani

  • Torta de Nutella com Morangos
  • Crepes de Nutella
  • Milk-shake de Nutella
  • Mousse de Nutella
  • Pavê de Nutella
  • Pudim de Nutella
  • Chocolate Quente de Nutella
  • Nega Maluca de Nutella

          

    Diz aí: qual das receita citadas ali em cima vocês iam querer conferir aqui no blog?

Desenho no bolo!

Nós amamos tudo que é lindo, delicioso e facilita as nossas vidas na cozinha! E esta foi uma ideia perfeita pra quem não sabe lidar com aqueles bicos de fazer desenho em doce: uma canetinha que serve pra desenhar em cima de massa americana (aquela branquinha, dura e bem lisa, que ultimamente é bastante usada nos bolos de aniversário).

Parece só mais uma canetinha qualquer, mas ela tem uma ponta diferente e a tinta é comestível, claro! Eu, que sou viciada em desenho, fiquei pirando aqui, doida de vontade de arranjar umas dessas!

O legal é que dá pra ir bem mais longe do que só desenhar em bolo. Já estou imaginando cupcakes e biscoitos todos rabiscados. O que acharam da invenção?

E se você tivesse que escolher uma última refeição, o que seria?

Pare um pouco pra imaginar a situação. Hoje é o seu último dia de vida, e você tem direito a escolher uma última refeição de, no máximo, 80 reais. O que você pediria?

Parece besteira, mas é isso que acontece com as pessoas condenadas à morte, no dia da execução. E o fotógrafo britânico James Reynolds decidiu criar um projeto que se chama “Últimas Ceias”, onde ele recriou essas últimas refeições pedidas pelos condenados.

Para isso, ele pesquisou de quem eram os pedidos e que crime eles tinham cometido. Segundo ele, cada refeição desejada retrata algo sobre a personalidade deles.

Dá pra ver que tem umas coisas bem estranhas, tipo aquela azeitona ali! O cara que pediu isso foi condenado por assassinato e quis a azeitona porque achou que iria nascer uma oliveira dentro dele.

Mas voltando à pergunta do início: o que você pediria no último momento da vida?